Friday, August 13, 2004

O sapateiro da Rua Garrett

Fotografia de Nuno Henriques


Um lugar que resiste...



O CHIADO


«Rua Garrett», dizem as esquinas,
mas que importa o que dizem os letreiros,
Chiado sempre moço das meninas,
dos ourives, dos chás e dos livreiros?

Chiado imenso que em dois palmos cabe,
pedacinho do mundo a palpitar...
Coração da cidade que nem sabe
do que é feito esse encanto singular. (...)


Fernanda de Castro

5 Comments:

At 9:46 AM , Blogger PT said...

Amiga
Sabes que criar um blogg é como educar uma criança, nós vamos vendo-a crescer e evoluir no tempo, e tu tens sido como uma criança, nasceste e tens evoluido na construção do teu blogg dia a dia. Não percas o teu sonho, é sempre muito bom sonhar, e nunca deixes de amar esta nossa linda cidade de Lisboa que merece todos os nossos comentários e toda a nossa poesia. Beijinhos e muitas felicidades.

 
At 2:29 PM , Blogger AS said...

Às vezes imagino como seria sentarmo-nos numa dessas cadeiras com as nossas belas sandálias às tirinhas. Parece que já estou a ouvir o senhor: «Oh menina, isto aqui não é a manicure!». :)

 
At 4:40 PM , Anonymous Anonymous said...

Ainda existe disto?!
Que bonito!

Parabéns à CG pela ideia e ao NH pela foto.

 
At 12:11 PM , Blogger cv said...

Adorei a foto e o poema!!! Às vezes ês demasiado exigente contigo!!

 
At 3:00 PM , Anonymous Anonymous said...

www.fernanda-decastro.blogspot.com

 

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

<< Home