Friday, January 20, 2006

Há personagens que mexem connosco…

Click na imagem

Confesso que o filme não foi escolha minha, mas uma sugestão do M. apocalipticamente formulada, deixando-nos, a mim e à AS, sem réplica, dado que a outra alternativa envolvia o nosso amigo não nos acompanhar. Enfim, os amantes do cinema, às vezes, são dados a estes dramas psicológicos...
O facto é que com a apresentação do genérico de “Kiss Kiss Bang Bang” o M. estava perdoado, a originalidade das imagens anteviam uma escolha acertada. E se o genérico é singular o filme é genial, uma brilhante homenagem ao “film noir”.
A história é narrada por um personagem incrivelmente sedutor, Harry Lockhart (Robert Downey Jr.), e acho mesmo que retrocedi aos meus tempos de adolescência durante duas horas de filme, perante tamanho fascínio que o actor exerceu, pelos meus cânones de referência masculina, e cujos resquícios ainda pairam neste blogue. Mas se o incontrolável charme de Robert Downey Jr. me deixou colada ao ecrã, não menos me seduziu o humor negro impregnado nos outros personagens, emergentes de um argumento ousado e cativante.
Um filme a lembrar sempre que formos confrontados com maquiavélicos inquéritos sobre os nossos filmes preferidos.


P.S. - Dedico este post a todos aqueles que têm insistido para eu não fazer posts curtos sobre os filmes!

2 Comments:

At 8:04 PM , Anonymous PT said...

Amiga, assim sim, é a Cristina que nós conhecemos e depois de ler este comentário, não podemos de deixar de ver o filme.
Beijinhos e bom fim de semana.

 
At 6:08 PM , Blogger Mocho Falante said...

Ainda não vi mas já está na calha

beijocas

 

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

<< Home