Thursday, September 16, 2010

Relembrar o filme "A Love song for Bobby Long”.(2)

Se eu pudesse teria assistido a cada minuto da rodagem deste filme


Quando ouvi falar do filme “A Love song for Bobby Long” (na fracturada tradução “ Uma canção de amor”), fiquei logo em “pulgas” para o ir ver…O gesto partiu da AS que ultimamente se tem antecipado, e bem, nas escolhas cinéfilas e que com este “post” espicaçou em cheio o meu interesse…
A história passa-se em New Orleans, e bastam os três primeiros minutos de filme para percebermos que a música Jazz só podia ter nascido naquele lugar da América. O casario decadente, as cores quentes, a sedução da paisagem e a originalidade dos povoadores são contrastes necessários a tamanha criatividade, com que deliberadamente o filme nos presenteia até ao fim.Os cenários são envolventes (com um “sabor” a Emir Kusturica, sobretudo em algumas cenas de confraternização), e a interpretação dos actores, de todos eles sem excepção, criou em mim a veleidade e a utópica vontade de estar perto deles, de presenciar a “chama” dos seus personagens.Talvez isto mereça um esclarecimento. Nunca assisti a filmagens, mas sempre fez parte do meu imaginário um dia fazê-lo. E se tal desejo nunca me amargurou especialmente por ainda não ter sido saciado, com este filme a angústia bateu à porta. Como eu gostaria de ter estado naqueles bastidores: New Orleans, cenários únicos, personagens fiéis à história, cuja nudez dos sentimentos torna-os tão reais…Um desses personagens é Bobby Long (John Travolta num dos seus melhores papéis até hoje), um professor universitário de literatura, que penhorou o seu sucesso no álcool e nos comportamentos excessivos, não renegando o seu apaixonado carácter e demonstrando uma enorme força de viver, um elo predominante deste enredo.Outro personagem irresistível é Pursy Will (Scarlett Johansson), uma jovem que não desiste de si própria, que procura nas emoções o reencontro com um passado amputado, e que nos faz pensar no sentido desta alucinante “viagem terrena” que é a vida.Uma história de amor em que o tempo volta atrás, como só nos filmes é possível.
Um filme a não perder mesmo!

1 Comments:

At 7:07 AM , Anonymous Anonymous said...

reported plenty of people pay their own loans punctually plus without having charges
A number one credit card debt nonprofit wants the quantity of men and women checking out them to get assist across cash advance loan debt that will 2 bottle this approach. unsecured debt charitable organisation pronounces about have used any quickly, higher curiosity fiscal loans in 2010. The particular aid organization pronounces four years previously numerous individuals using them was first unimportant.
pożyczka na dowód
sprawdź to www
zobacz więcej klikając ten odnośnik
pożyczka bez bik 25000
pożyczka na dowód 5000

http://pozyczkanadowod24.org.pl
http://pozyczkanadowod24.com.pl
http://kredyty-bez-bik.org.pl

 

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

<< Home